Login
     
- Tishri 19, 5780
Mitos e Fatos sobre Chabad PDF Imprimir E-mail

O Chabad Lubavitch graças ao Rebe (Rabi Menachem Mendel Schneerson) que mandou os seus emisários para os lugares e cantos mais remotos, modou positivamente a face judaica do mundo. São poucas as pessoas hoje que não tiveram algum contato com um dos milhares dos Centros de Chabad e se beneficiado de alguma forma por algum serviço, programa ou atividade oferecido pelo instituto. Aqui em Curitiba, o Beit Chabad (casa de Chabad), atua de forma dinâmica há 27 anos. A filosofia  do nosso instituto é de modo geral amplamente conhecida. Ainda assim, é sempre relevante, especialmente no início de um novo ano, esclarecer algumas dúvidas clássicas.

MITO:

Você tem que ser Ortodoxo para participar dos programas oferecidos pelo Chabad.

FATO:

O Chabad segue a filosofia de aceitação incondicional com coração aberto a todos sem juízos de valor. A maioria das pessoas que participam em programas no Chabad não é Ortodoxa. Nós nos vemos mais como Publicitários de D-us e não Policiais de D-us. A Torá é a herança de cada judeu e todos são livres para reivindicá-la, não importa sua experiência passada. Os ensinamentos do Chabad são impregnados com o conhecido espírito e alegria chassidica, mas de forma alguma o comprometimento com um estilo de vida Ortodoxo ou Ultra Ortodoxo é um pré-requisito para ser aceito dentro do Chabad.

MITO

A meta do Chabad é me tornar Ortodoxo.

FATO:

O Chabad não está aí para tornar ninguém Ortodoxo. O Chabad é uma organização educacional dedicada a ajudar cada judeu, não importando sua origem, afiliação ou nível pessoal de observância, a aumentar o seu conhecimento, entusiasmo e comprometimento judaico. O Chabad convida as pessoas a explorarem as complexas áreas da religião, tradição e prática judaica em uma atmosfera de mente aberta e sem julgamento. Todas as aulas, serviços e programas do Chabad são feitos para elevar a percepção e oferecer maior compreensão quanto à herança, tradições, práticas religiosas, leis e rituais de cada um. Cada indivíduo é convidado para participar, estudar e aprender. Nenhuma questão está fora dos limites. Todas as perguntas são incentivadas; a única pergunta ruim é uma pergunta não feita.  E cada um faz suas decisões no que diz respeito ao seu estilo de vida religioso em seu próprio tempo.

MITO:

O Chabad não considera judeus reformistas, conservadores ou não praticantes como judeus “de verdade”.

FATO:

O Chabad evita classificar outros Judeus, pois isso tende a nos dividir e a criar barreiras entre nós. Somos todos herdeiros da mesma historia e lei e compartilhamos do mesmo destino.  A Lei Judaica tradicionalmente considera qualquer filho de mãe judia ou pessoa convertida de acordo com a Halachá como sendo judeu, não importando seu nível de observância. O Rebe de Lubavitch censurou com veemência grupos Ortodoxos em Israel e nos Estados Unidos por publicamente depreciarem judeus não-Ortodoxos. Amor ao próximo é o núcleo do Judaísmo. Chabad se preocupa com o bem estar material e espiritual de todos seus irmãos e irmãs.

MITO:

O Chabad não aceita convertidos.

FATO:

O Chabad segue a Lei Judaica tradicional que declara que qualquer não judeu que se sinta sinceramente convicto da beleza e relevância da Torá, que estiver preparado para seguir as tradições do povo judeu, e, portanto, desejar juntar-se à comunidade judaica, é bem vindo como um convertido. O processo de conversão requer a aceitação das práticas e disciplinas do judaísmo, circuncisão para os homens e imersão no mikvê, – tudo isso sob supervisão rabínica autorizada.

MITO:

O Chabad não apóia o Estado de Israel.

FATO:

O Chabad, e o Rebe de Lubavitch em particular, sempre apoiaram, e continuam a apoiar Israel, além de estarem profundamente envolvidos em defender seu valor e direito de existência. O Lubavitcher Rebe mantinha um relacionamento muito próximo com os primeiros ministros e membros do governo de Israel. O assunto da segurança de Israel era freqüentemente tema dos discursos públicos do Rebe. O Rebe incentivava visitas ao Israel mesmo nos momentos de grande tensão e preocupação como, por exemplo, na época da Guerra do Golfo (1991). Frisava que a terra de Israel tinha uma proteção especial de D’us.

No dia 24/09/09, o primeiro ministro Benjamin Netanyahu proferiu um discurso no ONU e disse depois em uma entrevista que se inspirou em palavras que o Lubavitcher Rebe lhe falou num encontro pessoal de 40 minutos na Sinagoga do Rebe em New York, em Simchat Tora, no ano 1984.

Muitos rapazes e homens de Chabad servem nas Forças de Defesa de Israel e contribuem também no apoio pratico e espiritual às tropas.  Existem hoje mais de 200 Centros Chabad em Israel, bem como dúzias de instalações educacionais pelo país. Os rabinos do Chabad freqüentemente completam seu treinamento em Yeshivot Israelenses.

 

Adicione seu comentário

Seu Nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Comentário:
 

Beit Chabad centro de estudos ganênu - o nosso jardim sinagoga mikve Clube de Bat Mitzvá Ki Tov!

Partilhar esta página..


Mais...

Aulas do Colel

O Colel Curitiba está oferecendo aulas de uma grande variedade de assuntos. Você pode marcar uma aula individual ou participar em uma de nossas aulas já programadas. Para a programação do próprio semestre continue lendo. Leia Mais

Ofereça um Kidush!

Ou realize sua festa no Beit Chabad.

Comemore datas festivas e homenageie a memória de seus entes queridos no Beit Chabad.Leia Mais

Minyan diário

Horários das rezas no Beit Chabad:

De segunda a sexta-feira – Shacharit, às 7h30. Minchá e Arvit, às 19h
Cabalat Shabat -19h30
Shabat - Shacharit 10h; Arvit e Havdalá, no término de Shabat
Domingos e feriados brasileiros – Shacharit, às 9h30. Minchá e Arvit às 19h

Leia Mais


Copyright © 2016 Beit Chabad Parana, All rights reserved.